Kilamba24horas

SME capacita efectivos em gestão humanitária

 SME capacita efectivos em gestão humanitária

Ao todo, 30 efectivos do Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) e da Polícia de Guarda Fronteira (PGF) da província do Cuando Cubango participam desde segunda-feira, num seminário sobre a gestão humanitária das fronteiras, promovido pela Organização Internacional para Migrações (OIM) em colaboração com o Ministério do Interior (MININT).

Financiado pelo governo americano, a acção formativa de capacitação de formadores tem como objectivo fundamental, dotar os efectivos do SME e da Polícia de Guarda Fronteira de conhecimentos e técnicas eficazes, para a organização das fronteiras e a protecção dos imigrantes.

Durante três dias, serão abordados temas como conceito e definições sobre a introdução e gestão humanitária das fronteiras, os migrantes vulneráveis, a identificação e necessidades de protecção, técnicas de entrevista, busca e salvamento dos migrantes, a segurança e gestão do campo de acolhimento, saúde e migração, normas e procedimentos, e planos de contingência.

Segundo a representante da OIM, Cláudia Victor, desde a assinatura da paz em 2002 Angola tem registado um crescimento social e económico acelerado, que originou o aumento das migrações e de várias ocorrências que culminam com crimes migratórios.

Por este motivo, a OIM desenvolveu um quadro operacional para os crimes de migrações, que passa pela formação dos efectivos do MININT, no sentido de acudir e prestar a devida assistência a todas as pessoas vulneráveis que se deslocam para o território angolano.

O comissário prisional e delegado provincial em exercício do MININT, Joaquim Moreira Quimbange, pediu aos formadores no sentido de transmitirem todos os conhecimentos necessários aos formandos, para que o referido seminário atinja os objectivos preconizados.

Joaquim Moreira Quimbange disse que, a formação de quadros, constitui um dos principais objectivos do MININT, para servir com rigor e dar melhores respostas às principais aflições das populações.